Evento foi realizado pela segunda vez na região Nordeste e reuniu pesquisadores e profissionais da área da saúde

*Texto de Anne Caroline Bomfim – Jornalista 

O Instituto Doutor Hemerson Casado foi um dos destaques do 51º Congresso Brasileiro de Farmacologia e Terapêutica Experimental, realizado entre os dias 24,25, 26 e 27 de setembro de 2019, no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, localizado no bairro do Jaraguá, em Maceió.

Organizado pela Sociedade Brasileira de Farmacologia e Terapêutica Experimental (SBFTE), o evento reuniu estudantes de graduação e pós-graduação, pesquisadores e palestrantes nacionais e internacionais.

Durante quatro dias, o Instituto participou como expositor disseminando informações sobre doenças raras e informando aos interessados sobre sua história e projetos em andamento. O stand da instituição foi decorado com banners, panfletos e doces, além de vídeos com campanhas e reportagens.

ABERTURA E PALESTRA DE BOAS-VINDAS

A abertura do Congresso, que aconteceu na terça-feira (24), contou com apresentações culturais e palestras institucionais voltadas à área médica. Hemerson Casado, portador da Esclerose Lateral Amiotrófica e fundador do instituto que leva o seu nome, foi convidado a participar da mesa-redonda. 

O ativista foi reconhecido pelos serviços relevantes prestados à sociedade e por lutar incansavelmente em prol dos portadores com doenças raras. Na ocasião, ele apresentou a palestra: “A Ciência à Serviço da Humanidade” e destacou a importância da prática científica para ampliar terapias em favor daqueles que mais precisam.

Foi lindo. Emocionante. Dividir a palavra com grandes profissionais encheu meu coração de alegria e me fez acreditar que estou no caminho certo. Agradeço a Sociedade Brasileira de Farmacologia pelo convite

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA

A programação científica do evento contou com conferências, simpósios, mostras e cursos. Neste ano foram inscritos 460 trabalhos.  Uma feira de ciências voltada aos alunos da rede pública municipal foi montada na área externa e reuniu cerca de 200 estudantes. O objetivo da atividade é chamar atenção para o estudo da ciência no Ensino Médio ao realizar experimentos nas áreas de Física, Química e Biologia.

O biólogo e doutor em Farmacologia, André Sampaio Pupo, presidente da Sociedade Brasileira de Farmacologia e Terapêutica Experimental, conta que, anualmente, durante a semana do congresso, uma equipe de associados realiza visitas as escola da cidade sede para divulgar o evento da forma mais lúdica possível.

“Neste ano decidimos recrutá-los para estar lá no evento junto a nós. Preparamos uma feira muito especial. E o melhor: tudo gratuito!”, explica. Os experimentos foram coordenados e supervisionados pela professora Jamylle, da Universidade Federal de Alagoas, e estudantes de graduação.

PARCEIROS

O evento foi realizado pela segunda vez na região Nordeste. Em 2014, os estudiosos se reuniram em Fortaleza, Ceará.  O 51º Congresso Brasileiro de Farmacologia e Terapêutica Experimental conta com os seguintes parceiros: Instituto Doutor Hemerson Casado, Universidade Federal de Alagoas, Fundações CAPES, CNPq, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).